Glossary

Tamanho do semicondutor

Tamanho do semicondutor© 2021 Macro photo / shutterstock.com

O que é tamanho do semicondutor?

Os semicondutores estão no coração dos dispositivos elétricos e eletrônicos. Outro termo usado de forma intercambiável são os transistores – componentes semicondutores que fornecem poder computacional a um dispositivo. Normalmente feitos de silício, os semicondutores estão por trás dos nomes "Vale do Silício" (centro global de tecnologia e inovação na Califórnia, EUA) e "economia de silício", o que facilita compreender o quão vital esses elementos de computação são para o mundo da tecnologia.

Sua fabricação é bastante complexa, envolvendo numerosos processos fotolitográficos e químicos. Os fabricantes se esforçam continuamente para produzir semicondutores menores e a razão disso é que componentes menores fornecem um desempenho melhor e consumo de energia reduzido. Um semicondutor menor significa que mais transistores podem ser colocados em um chip, melhorando o desempenho. Além disso, um tamanho menor também permite que mais tarefas de computação sejam executadas a uma temperatura mais baixa.

O tamanho do semicondutor – ou tamanho do nó – é indicado em nanômetros, uma unidade que equivale a um bilionésimo de metro (ou 0,000000001m). Atualmente, chips de 14 e 10 nanômetros estão em produção em massa, mas a indústria continua buscando tamanhos de nós menores. A questão é que os tamanhos nominais nem sempre equivalem aos tamanhos reais. Embora chips de processador de 7 nanômetros já estejam no mercado (fabricados pela Samsung e pela Taiwan Semiconductor Manufacturing Company, ou TSMC), essas empresas definem um nó de 7 nanômetros da mesma forma que a Intel define seu nó de 10 nanômetros. A TSMC está trabalhando em um produto de 5 nanômetros com uma densidade de 171,3 milhões de transistores por milímetro quadrado. Tanto a TSMC quanto a Samsung já anunciaram planos para fabricar nós de 3 nanômetros.

Esta é uma guerra constante no mercado de dispositivos móveis, pois os fabricantes de semicondutores precisam manter sua tecnologia atraente para os fabricantes de dispositivos móveis adquirirem seus produtos. As CPUs exigem mais poder de computação do que um chipset móvel e, por esse motivo, o tamanho dos nós ainda não é tão pequeno quanto nos chipsets móveis. No entanto, os fabricantes de CPU estão travando a mesma batalha por uma tecnologia mais rápida, mais avançada e menor.

This page is currently only available in English.